Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



A fuga...

por Nhex, Domingo, 20.04.08

Não pude vir aqui por dois dias, por isso só vou postar mais um video para que o blog não fique às moscas, este video é do programa do Benny Hill, parto-me sempre todo a ver isso...

 

" class="ljvideo"> 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Nha Nha Nha

por Nhex, Sábado, 19.04.08

19Nha Nha Nha é o nome desta música (ou pelo menos parece), é uma mistura de cantos rurais com chamamento de gado, é também o acordar do protagonista...

 

 

 

 

 

" class="ljvideo"> 

Autoria e outros dados (tags, etc)

?????

por Nhex, Sexta-feira, 18.04.08

Eu tenho uma pequena teoria, que é a teoria das perguntas mais feitas pela humanidade...

 

 

   -"Que horas são?" (apareceu quando os relógios ainda não existiam).

   -"Já viste o tempo?" (apareceu quando o primeiro homem/mulher  viu o tempo).

   -"Está tudo bem?" (apareceu numa casa de banho de discoteca).

   -"Quando?" (apareceu após ao acontecimento).

   -"Onde?" (apareceu na época dos descobrimentos para se saber o caminho para a Índia).

   -"Quem?" (quando alguém se questionou pelo outro desconhecido).

   -"Porquê?" (apareceu quando a Inquisição fechou o primeiro restaurante).

   -"Tens lume?" (aposto que apareceu quando o homem descobriu o fogo).

   -"Queres?" (apareceu na primeira oferta de nozes).

   -"Já está?" (esta também apareceu numa casa de banho).

   -"Falta muito?" (também nos descobrimentos quando apareceu um marinheiro impaciente).

   -"Já chegaste?" (A minha mãe inventou isto a primeira vez que vim a pé para casa).

   -"Posso ir?" (quando pedi aos meus pais para ir ao Chile).

   -"O que é isso?" (os primeiros incultos inventaram isto quando lhes foi falado do Heavy Metal).

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

As melhores músicas do ano...

por Nhex, Quinta-feira, 17.04.08

 Foi divulgada pela revista de música "Oube" fez uma lista com as 5 melhores músicas do ano d 3 géneros diferentes que  vou  passar a citar:

 

 Heavy metal (oh yeah \m/):

 

 1-Satan drinks at the bar. (por Dark Sinners).

 2-Bestas quadradas. (por Cosmonautas).       

 3-I rule the Hell. (por Satan).                                                              

 4-I hate water. (por BeerDrinkers).

 5- Zeg je liefde metaal. (por Nosebangers).*

       (O típico "HeadBanger" (cabeciuns abaniuns)).

 

*Os Nosebangers são holandeses e em portugês o nome da música significa "Digam que gostam de metal".

 

 Baladas.

 

 1-Nunca mais... me viste. (por Manuel Quantino).

 2-Dá-me tudo aquilo que não te darei. (por Trio pandeireta).

 3-Cutting my fists because of you. (por EMOfílico)

 4-Kiss my ass. (por Hate & Control)

 5-Te odio. (por El Cid)

 

                          (Mosh no concerto  do Trio pandeireta em Marmuça)

 

 HipHop.

 

 1-Quitame el fuego (por Cortéz).

 2-I'm the greatest pimp (por Some Cents).

 3-And I'm the greatest whore (por Pussy dog).

 4-Nós não somos criminosos. (por Manel do tunning)

 5-Foge da Bófia. (por Corruptoz)

 

                              (Capa animada do novo albúm de Some Cents.)                      

 

E é tudo, se não perceberem inglês façam como eu fiz para o holandês, usem o tradutor do google xD.

 

 

 

 

 

"Não percam o próximo post, porque nós também não!"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

A corrente...

por Nhex, Quarta-feira, 16.04.08

Hoje vou fazer uma corrente de palavras, "não porque quero mas porque posso" (lol).

 

 

 Cabeça, redonda, queijo, Limiano, Açores, ilhas ,Berlengas, ursos, piscina, água, sede, cerveja, desidratação, deserto, Alentejo, azeitona, tunning, ilegal, orégão, Itália, máfia, Sopranos, música, guitarra, cordas, alpinismo, Evereste, frio, Olá, gelado, Epá, escavação, buraco, ozono, Espaço, Marte, Carnaval, Brasil, Amazónia, mato, pinhal, madeira, lareira, fogo, bombeiros, chamada, atendimento, balcão, bilhetes, concerto, Iron, Maiden, heavy, metal, decente, fato, gravata, nó, forca, Inquisição, PIDE, ASAE, alimentação, enlatados, sardinhas, peixe, tubarão, filme, Hollywood, EUA, guerra, Iraque, Saddam, ditador, Sócrates, Grécia, matemática, pensar, palavra, seguinte, fila, trânsito, atrasar, horas, tempo, tempestade, vento, ar, oxigénio, química, fórmula, corrida, maratona, cidade, edíficios, casa, habitat, animais, latim, antigo, pedra, calhau, inteligência, cérebro, choques, acidente, multa, dinheiro, aposta, jogo, cartas, leitura, corrente, fim.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aposto que nunca ouviram falar do carnaval de Marte mas eu depois conto, por agora apenas "não percam o próximo post porque nós também não"! xD

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quadra antiga

por Nhex, Terça-feira, 15.04.08

 Foi descoberta por mim, no meio do nada, onde o nunca acontece e o jámais aparece, uma quadra que data do século VI escrita pelo famoso poeta francês... José, a quadra foi prontamente analisada por uma especialista de arte antiga do museu nacional das Berlengas perita em potes de barro e "vitrines de madeira", posto isto, é inquestionável a experiência de análise a poemas antigos que a senhora Creminda tem. A Quadra fala da aventura de um explorador português numa das suas viagens pela Ìndia, na qual se apaixonou por um tronco de madeira e teve dois filhos, encontrou também vários tesouros como o tesouro perdido da Pérsia (que irá ser falado no blog quando for roubado do "Museu Nacional Indiano"), mas o mais importante da quadra é o carinho com que foi escrita.

 Vou agora citar o poeta com a tradução de francês para portugês da quadra, aqui vai, só mais um bocado, vá, cof cof, calma, vou só ali beber alguma coisa..... bem agora que estou "refrescado" e juro que não é por cerveja... passo a citar a quadra:

 

Aventuras na Índia.

 

A minha mãe bateu.

no meu irmão Raimundo.

acabei por levar eu.

com o "mapa mundo".

           

            José, Paris, 1590.

 

 

Apresento agora aqui a foto do texto original em francês.

 

 

 

 

 

 

Ah e mais uma coisa o Armando fugiu "pó" Brasil...

 

 

 

 

"Não percam o próximo post. porque nós também não!" xD

Autoria e outros dados (tags, etc)

Casa inteligente

por Nhex, Segunda-feira, 14.04.08

 Foi hoje vendida a primeira casa inteligente do condomínio Vista-Mar na vila de Marmuça, a casa é uma obra de engenharia sem precedentes, é constituída por 4 paredes e um telhado, a casa vem com ínumeras funcionalidades.

  As funcionalidades são mais de 500 mil, por exemplo para abrir uma porta basta rodar a maçaneta e ir empurrando a porta, ou se estiver do outro lado basta puxar a porta, pode parecer normal mas basta saber que a casa sabe de que lado está posicionado, por cima das maçanetas podem ver-se as tabuletas "Empurrar" e "Puxar", outra funcionalidade consiste em bater palmas para que as luzes se acendam, para que o método funcione eficazmente basta bater com as palmas das mãos no interruptor, a casa vem com um aspirador que se liga automaticamente após se carregar no botão "On", a casa-de-banho está equipada com um sistema de higiéne inteligente, por exemplo podemos encontrar na casa-de-banho uma banheira, um lavatório e um bidé, na cozinha o frigorífico está equipado com um sistema de tranca inteligente que consiste no conjunto de corrente/cadiado, a casa é tão avançada que não tem sequer tomadas de linha telefónica, os engenheiros usaram a descul... expressão "hoje em dia é tudo por "wirelesse"", outra funcionalidade que demonstra um "QI" superior ao de outras casas é a capacidade de ser iluminada por mais velas que as outras casas quando a electricidade falha...

 Postos estes factos só resta a questão "Quem foi o Snoopy?".

 

O nosso enviado especial, um gnomo do deserto tirou uma foto à dita cuja casa...

 

 

 

 

 

ps: O Snoopy foi um ditador holandês

 

 

 

 

 

"Não percam o próximo post, porque nós também não!"  xD

Autoria e outros dados (tags, etc)

O centímetro mais pequeno do mundo.

por Nhex, Domingo, 13.04.08

 Todos os anos por esta altura (a altura em que estiverem a ler isto), decorrem em Olímpia as Olímpiadas  Centímétricas, que consistem num número de provas físicas e psicológicas para se descobrir quem é o "centímetro mais pequeno do mundo" pois os centímetros orgulham-se do seu pequeno tamanho e não da sua "grandeza", continuando, as regras são simples, nada de batota, nada de sexo antes das provas e não ir para as provas de natação com a barriga cheia (ups, já disse uma das provas mas não faz mal).

 As diversas modalidades formam o torneio num todo, ou seja, os centímetros dos países participantes têm que passar (ou não) por todas as provas para poderem chegar à "grande final", as provas são as seguintes, natação, maratona, tiro ao alvo, bowling, xadrez, lançamento de tartes e jogo da macaca. Este ano o vencedor foi um centímetro vindo de Marrocos, de nome Al-Maifed de uma régua de madeira da zona de Tânger, o segredo disse ele, foi "praticar uma dieta à base de bananas e chá verde" e também "ajudar a construir linhas rectas de centímetro"(se é que esta frase vá ter sentido algum dia), após a vitória ele não se conteu nos festejos e acabou mesmo por dedicá-la ao seu centímetro vizinho de nome Al-Macaid.

 Os segundo e terceiro classificados aqueles que ocuparam respectivamente a segunda e terceira posição, foram um centímetro americano de nome Tom Canastring dum esquadro de plástico do estado do Mississipi, e um centímetro chinês de nome Chô-E-Um-Bate de uma transferidor de bambu da zona da Manchúria, o destaque vai também para a primeira participação das Berlengas* na grande olímpiada e para o bom desempenho português que teve como grande nome Jacinto Afonso um centímetro de uma régua de ferro do Algarve.

 

 

 *As Berlengas foram eliminadas após o comité descobrir que não eram um país.

 

 

 

 

   A imagem da lista de participantes...

 

 

 

 

 

 

 "Não percam o próximo post, porque nós também não!" xD

Autoria e outros dados (tags, etc)

As crónicas do vampiro Rabo de Xico

por Nhex, Sábado, 12.04.08

 Era uma vez, numa aldeia no meio do monte chamada Agriela um menino de nome Augusto Carolino que desde cedo começou a trabalhar no campo com os pais , mas, numa noite tempestuosa Augusto também conhecido por "Gustinho" foi raptado por um bando de animais de quinta de culto ao Mafarrico, que o levaram para as Montanhas Geladas da Terra Quente, aí Augusto foi instruído na arte de veneração ao Mafarrico, em artes marciais canadianas como por exemplo o "Kick the belly and punch the head" (em português "Pontapeia a barriga e "morreia" a cabeça") uma das artes marciais mais mortíferas inventadas no Canadá, foi também instruído em artes plásticas e belas artes.

 Os seus professores foram: a Vaca que Ri (arte de veneração ao Mafarrico), o Esquilo Horácio (artes marciais canadianas), o Gato das Botas (artes plásticas), e o abutre espanhol de nome "El Pirata" (belas artes)...

 

 

 Aqui a Vaca que Ri uma do grupo de instrutores de "Gustinho".

 

 

 Mas foi ao chegar à idade adulta que a vida de  "Gustinho" sofreu uma grande reviravolta, num churrasco em casa da tia Clemilde (uma coruja das montanhas (Corujinium Montae)) conheceu o Conde Drácula, este fez-lhe uma proposta que parecia ser irrecusável, a proposta era exactamente a Imortalidade e infinitos vales de desconto para o Mini-Preço. Mas para poder aceder ao clube restricto de jogadores de póker... perdão, clube restricto de vampiros tinha que cumprir duas tarefas, a primeira era fazer 10 flexões de braços e a segunda era fazer "abdominais com as orelhas", "Gustinho" aplicou então todos os conhecimentos que tinha e passou os testes com dinstinção e ordem de mérito e coisas assim.

 Para terminar o processo Augusto teria que deixar-se morder pelo Conde e escolher em seguida o seu nome de vampiro, e foi isso que aconteceu Augusto lá se deixou morder e escolheu então o... "ALTO LÁ!", Augusto lá se deixou morder e antes de poder escolher o nome foi obrigado a passar uma noite com enxaquecas agonizantes, na manhã seguinte Augusto ergueu-se como um novo vampiro,  Augusto ergueu-se como Rabo de Xico. Nabo como era teve que se deitar de novo no caixão pois os raios de sol aleijam os vampiros, foi apenas na noite seguinte que ele se pôde então erguer de novo.

 

 A ascensão de Rabo de Xico (na sua forma de morcego)...

 

 

 Rabo de Xico foi então encontrar-se com o seu mestre Drácula, para pedir informações sobre o quotidiano dum vampiro, após receber as instruções de como seduzir pardais e atacar abelhas, Rabo de Xico partiu então na sua saga vampírica. Começou por ir à sua terra natal, Agriela e chacinar todos os seres humanos que encontrasse, foi nesta altura que a aldeia entrou em decadência pois após os ataques de "Rabixo" (como é conhecido na comunidade vampírica) a aldeia foi atacada por uma peste de joaninhas que quase aniquilou toda a vida da aldeia, de seguida "Rabixo" parou em Moita para beber água (este vampiro bebe água) e seguiu para a Madeira onde após 3 ataques bem sucedidos começou a ser perseguido pelo famoso caçador de vampiros Amadeu que não permitia a "Rabixo" praticar os seus actos de sacrifícios e coisas do género, foi então que "Rabixo" veio pela primeira vez a público, na revista cor de rosa "Mariline".

 Rapidamente se deu uma investigação da ASAE para encontrar Rabixo (já chega de ""), após recolherem vários testemunhos os agentes prenderam a Vaca que Ri e o Esquilo Horácio enquanto estes se encontravam no mesmo quarto de hotel por acidente.  Após as confissões foram ambos condenados a "25 anos de cadeia perpétua" por prática ao Mafarriquismo e abuso de trutas ribeirinhas (ribeirinium trutium). A vaca suicidou-se na sua cela enforcada nas suas roupas interiores, o esquilo fez amizade com o seu companheiro de cela e nunca mais se ouviu falar dele.

 As investigações foram canceladas por falta de pistas sobre o paradeiro de Rabixo, mas mais recentemente têm havido testemunhos de avistamentos de Rabixo no Alentejo, testemunhos dados por testemunhas que testemunham que Rabixo está de volta e agora deixou de usar a enchada para passar a usar uma caçadeira e um chapéu do BCP, dizem que está de volta para roubar todo o material agrícola que lhe escapou da última vez...

 

 

Foto mais recente de Rabixo (na sua forma humana).

 

PROCURA-SE MORTO OU LIGEIRAMENTE ALEIJADO.

 

 

ps: Rafael Santos conhecido realizador vai fazer o filme desta história magnífica.

 

 

 

 

 

 

 

"Não percam o próximo post porque nós també não!" xD

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bolo de orégão.

por Nhex, Sexta-feira, 11.04.08

 Para aquelas pessoas que têm o gosto pela cozinha eu resolvi criar um post com uma receita que vem desde o tempo dos Ulissianos, a antiga civilização da antártida, a receita é nada mais nada menos que o famoso bolo de orégão...
 
 Como qualquer receita são necessários claro está os ingredientes, para este bolo são os seguintes:

 

 -Um molhinho de orégãos* (1kg).
 -Farinha de argila (600 gramas).
 -4 ovos de gaivota.
 -Um dente de alho.
 -Açucar em pó (1kg).
 -Leite de girafa (1/2 litros).
 -Fermento de cerveja (a gosto).
 -Xarope de abacate (a gosto).

 

Instrumentos necessários:
 
 -1 machado.
 -1 canivete.
 -1 penico.
 -1 tridente.
 -Uma colher de café.
 -Forma de papel.
 -Utensílios de limpeza
 
 OBS: Convém também ter um forno, não é possível fazer o bolo numa frigideira ou numa panela de pressão.

 

 Comece por misturar os 4 ovos de gaivota com a farinha de argila, use a colher de café e misture no penico até conseguir ver uma pasta "homogénea tricolor" (se conseguir fazer isto revele ao mundo), em seguida com a lâmina do canivete cortar o dente de alho em pedacinhos colocando-os depois na mistela tricolor, agora está na altura de ir adicionando os orégãos lentamente e ir misturando bem até que a mistura passe então a ter 4* cores, agora k tem uma massa sólida está na altura de a amolecer e para isso terá que despejar todo o leite de girafa na massa e mais uma vez misturar com a colher de café, e não se esqueça que tem que ser tudo no mesmo penico, forre a forma de papel com o fermento de cerveja e o xarope de abacate, agora que tem tudo pronto só resta colocar no forno a 120º durante uma semana e meia, acabando a semana e meia retire do forno o bolo que está pronto a ser servido, corte uma fatia com o machado, e com o tridente sirva a sua sobremesa e agora que já todo o bolo se foi, pegue nos utensílios de limpeza e limpe a cozinha.

 

 *Lembre-se o orégão é uma erva legalizada apenas em Itália.
 *As cores resultantes das misturas são aleatórias por isso se não gostar das cores que lhe saíram, problema seu.

 

 

Amostra do bolo de orégão...(lol).

 

 

 

 

  Por hoje é tudo e "não percam o próximo post porque nós também não!" xD.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pág. 2/4