Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Censura

por Nhex, Domingo, 11.05.08

 Ora vou apresentar um documento censurado por um regime fascista, a censura está traduzida para português:

 

 "Caro amigo oiashdoiash,

 

 Aakshkn Khouhu saklashd ksadh klndaskd ,ieurio ui r fkonsdfbue , efoikdsnf knskcnbwbfw, sfksdn dsm, dsdif ksdf ihorwihweiofh oidskco nwodc oiwhh iuwhif cshdiuc hwiuh kdscnsbhvbxncowh wh d hd dsh sd df fdf oidsoif sd dsh dsf sdof osdfo hsdofh odf oisdoi sdhf osdoif sdoi soid cncn ndn sndc nsdncn ndc nsdnf sdnc nscdfpofpowieeeur er uwruiwer we uidhcisd hdh sdf kdsbfk s fpe we fhweh fwhef pwhe fuwuefh whf wpueh iupwh fuhh sdc sdhc shdf hsdpfh sfh osdhf  ohsdof hfh pwehf whf pehww poh owh fohwef hpds h8gy8suysdu su sdu ud fhsdui 78s u huisdh wfh whep hiogo nwowneo ntuo owen pongfdon fon wnp ept npwkn kmcnv a +wq io ew dsn nsd nwe rf wonwen ponw nwdk fnlkn kwlnfk wn nw nf w nwen fkwenkf .

 Oknfksnd naskakwer ea kk  kee kakdsa dnvuierghuieiury qwre re Lisboa bh iuasncxnucbqwqwd qwb diqwbnd qbnixd qi biwbi ddiw qbp fc inqwio bieofb i Belengas shadok hasdh quiwd9uqwhd qwdi qdiu qd iqub iuqebf ibviybqyibiq, orégãos, ousahd iask bksabd igiue iqwebiobefk sabk nsakmdb kqbdk qbk ndkasmn kbf bdb nkb kbwidb qwiu biqub ieb ib bhb nmzx cnb ihbfio foiwhpoqiwhqoirequihuqeh uqe u h iuh eq eiuh u hqeuh u h u b k b b efk efuf ef eui bfe fef eibfehbfefe iqbf ibfq eoife qbf eoqibf eoibf ebnv çl vp+kpo om o mpo m om pom pom po mpo mp mp m po mpo m dopmd poidm pokmd skdskdsndfnfuieuiwqgwqywyryrtequ eu tu ele nós vós eles.

 Toksldnf lksnd obqwob ksn sdbo fbfb nok noksan ansd noi, mmnnb ihyv 2asbn ubi uqbif b kbskb kb b b  bqebf eiqb pqiwbi bquibeiub fiubq upqbcksb ckhbdsc npuosanc pqnufo qpapqpbqqpibiwb ibd pivsdfnb vnd pvnpdwn vn vwpn vpwun unwe unwu nwup nwnw pqwuen iuwne vunw un vwu nw env uwnvwpvnvuvnwwevnweu nwv nwvnw evpuw enuowenwv uewnepwne vw evnvn vvewnvd nvksdyidgiyuqwoiuiiorueiorupio rio oeiu eoiweuoi weuweiou weoiewuioe woi ewueiou eioe wuioe teve muita graça u eiouw eiowe fioef ueo wfiu ewpoih wefbn wekhew f efbwhe wfge io efwe wf f dsfd fhds knds piosd f sdious dfoiu sdiou iop duio p sfdus dfios dfpous fdios fius fdopsf oisf uoisuf oisf duoisf oisfuiosf duso fius du sfious fdoisfd uiosfduisf uiosfdsf usf diousf iosf doipsf udiosf pisf dousf oif hio4eb nkbefn b fwnm ebmnfw ebwefnm bfgwv.

 

 Atenciosamente,

 Abnqid."

 

 

 

 

 

 

 

"Não percam o próximo post, porque nós também não" xD

Autoria e outros dados (tags, etc)

Lógica do orégão

por Nhex, Sábado, 10.05.08

Ok há coisas que eu acho bem estranhas por exemplo:

 

 O contrário de subir é descer, até aqui tudo bem, mas se é assim tão óbvio porque é que nós humanos portugueses contínuamos a dizer "Ah olha lembrei-me desta, no outro dia ia a subir para cima blá blá blá e depois ao descer para baixo blá blá blá"?

 

 Eu nunca fumei porque sei que o tabaco faz mal e amigos meus que fumam sempre me disseram que eu é que fiz bem em nunca tocar num cigarro, e mais, vou por aqui a compisção de um cigarro "porcaria, ervas, qímicos, papel, caramelo, alcatrão..." a lista não para, ok vou ao que interessa, se as pessoas sabem que FAZ MAL porque raio contínuam a fumar e não procuram ajuda?

 

 Porquê que coiso? Não percebo tudo bem que cenas e tal mas porquê que coiso?

 

 Se o tomate é um fruto porquê que o orégão também não pode ser?

 

 Uma coisa que me chateia é que as passadeiras são para as pessoas passarem em segurança e os carros são obrigados a "oferecer" a passagem (supostamente), mas a maioria dos condutores não quer saber dessas coisas e passa pelas passadeiras "à bruta", mas logo criticam as pessoas que atravessam a rua fora da passadeira só porque não estavam na passadeira (que frase mais confusa) porque caraças fazem isto?

 

 Pois bem meus amigos eu para responder a estas questões e a outras que me possam ser feitas, resolvi criar a "Lógica do orégão", que é uma coisa bem simples, consistem em dar resposta a coisas muito importantes do dia a dia, tais como estas que eu apresentei, vamos pegar no exemplo do tabaco, usava-se o papel para escrever, o caramelo para saborear, o alcatrão para fazer estradas, os químicos para estudos laboratoriais e coisas assim a porcaria para adubar os campos e as ervas para temperar a comida. E era isto que tinha a dizer...

 

Imaginem o que seria fumar isto (não as ervas da berma, falo da estrada mesmo).

 

 

 

 

 

 

 

"Não percam o próximo post, porque nós também não!" xD

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bio-cenas

por Nhex, Sexta-feira, 09.05.08

 Fala-se muito dos bio-combustíveis que fazem reduzir a poluição e assim, aqui está uma lista de plantas não comestíveis, que poderiam ser usadas (na minha mente) para o fabrico de tal coisa:

 

 -Orégão. (Oregius)

 -Erva. (Ervium Normae)

 -Erva. (Ervium Mocae)

 -Trigo selvagem. (Selvagius Trigium)

 -Batata silvestre. (Batatae Silvestrus)

 -Feno. (Fenae)

 -Madeira. (Ilhium)

 -Relva.  (Relvium)

 -Palha. (Palhum)

 -Granito. (Granitae)

 -Argila. (Argilius)

 -Mármore. (Calhaus)

 -Casca de laranja. (Casquium Amargus)

 -Casca de abacate. (Abacatae Casquium)

 -Casca no geral. (Lixium)

 -Algas venenosas. (Venenosae Algae)

 -Urtigas. (Picae Plantae)

 -Plantas carnívoras. (Comium Plantae)

 -Borboletas (Plantium Voadorium)

 -Hello Kitty (Plantae Infernus)

 -Pucca. (Infernus Plantae)

 -Tulipas. (Droguium Tulipum)

 -Papoilas. (Papoilium)

 -Palmeira. (Grandae Plantae)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

"Não percam o próximo post, porque nós també não" xD

 

"Peace out suckers"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Guia de sobrevivência.

por Nhex, Quinta-feira, 08.05.08
 Ultimamente aqui na redacção temos andado com muito paleio em relação às Berlengas e todos os seus perigos mais perigosos (sim pleonasmo), por isso resolvemos obter informações sobre sobrevivência nestas ilhas remotas, para tal todos nós (ou seja eu, o mesmo e o próprio mais o gnomo australiano) nos submetemos a um regime de treino com um especialista de sobrevivência e um cozinheiro.
 A primeira coisa que aprendemos foi montar uma tenda, é simples é só introduzir com cuidado 4 palitos gigantes no pano da tenda e prender ao chão, até aqui tudo bem, lá montei a tenda e segui para o treino principal, primeiro aprendemos a lidar com o meio selvagem, para tal demos um passeio até à praia demos um mergulho olhamos em redor e estava feito o reconhecimento do meio, em seguida fomos aprender técnicas de sobrevivência básica e manejo do canivete.
 Numa ilha como aquela o fogo e a água são duas coisas importantes, por isso tivemos que aprender a fazer fogo e aprender a fazer água, ok talvez não tenhamos aprendido a fazer água mas tentamos (a sério que tentamos e já conto como), quanto ao fogo é muito simples, pegamos em folhas secas, depositamos num buraco na areia, pegamos em dois troncos e em seguida o mais importante, pegamos no isqueiro e acendemos as folhas secas e depois é uma questão de tempo, não façam fogos na floresta, façam-nos na praia para não correrem riscos e para poderem ser vistos pelas equipas de salvamento, e se estiverem em casa usem o fogão ou o micro-ondas, no campo da fazedura de água, bem primeiro tentamos a dança da chuva mas mesmo antes de terminarmos a dança alguém disse, "Seus nabos a água da chuva é salgada", e portanto nós paramos depois pensamos em espremer a água das folhas das plantas mas também não deu resultado, então lá fomos nós buscar o garrafão de 5 litros de água (juro que era de água) que tinha-mos na mochila, a outra regra importante é encontrar comida, para tal há diversas plantas comestíveis na ilha, para quem gosta de saladas é um mimo, mas nós não, nós queríamos caçar alguma coisa como bons humanos que somos, e então lá fomos nós caçar pandas polares, vimos uma manada de pandas e quando estávamos prestes a atacar reparámos que eles são tão fofos e peludos que não resistimos em usar a caça... ok eu confesso nós não caçamos pandas polares pois eles são muito rápidos e nós só tínhamos como armas, uma máquina de filmar, duas pedras e uma colher, então volta-mos para o acampamento e comemos as sandes de atum que tinha-mos levado.
 Após o almoço fomos ensinados a usar o canivete, sim Macgyver pode ser o nome que vos vem à cabeça, mas não havia dinheiro suficiente para o contratar, fomos instruídos em 3 técnicas, a primeira era o abrir do canivete, a qual consiste em escolhe o tipo de lâmina ou utensílio a ser usado, a segunda técnica era o manejar o utensílio  a qual consiste em exactamente isso usar o utensílio para fazer de conta que somo o Macgyver, a terceira técnica era o fechar do canivete, esta consiste em dar duas cambalhotas para a frente três para trás e cantar em espanhol e depois lá está fechar o canivete, a tarefa atribuída foi a construção de uma jangada, o instrutor escolheu a lâmina mais afiada (é mesmo nabo enfim) o gnomo escolher a lâmina de serra (má escolha), eu escolhi a mais óbvia, escolhi o palito.
 Regressados para o jantar o cozinheiro preparou lasanha para todos, e comemos até fartar, depois do jantar tocamos versões acústicas de músicas como "Cowboys from hell" (Pantera), "Master of puppets" (Metallica) e também a versão acústica de "Iron Man" (Black Sabbath), depois contámos piadas sobre um gajo que não sabia em que sala tinha o teste e em seguida fomos dormir, quando forem acampar não levem só a tenda o saco-cama também é importante ao que parece.




A minha jangada...








"Não percam o próximo post, porque nós também não!" xD

"Peace out suckers"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma espécie de aventura na escola...

por Nhex, Quarta-feira, 07.05.08
 Ora portanto, ontem tinha teste de matemática e até estudei e tal, cheguei à escola e disseram-me que o teste iria ser na sala onde normalmente temos aula, passa o intervalo e resolvo ir para o teste, chego à  porta faço "Truz Truz" e ninguém me abre a porta e é aqui que a aventura começa, primeiro resolvi ir perguntar à funcionária onde é que a minha professora estava a dar aula, mas para isso tive que atravessar lagos de fogo em chama (pleonasmo) atropelar 7 duendes, fazer 5 flexões de calcanhares e jogar uma partida de futebol com avestruzes, finalmente cheguei perto da funcionária e obtenho a resposta "não sei quem é essa professora", eu até vou ver aqui nos meus testes o nome dela para  ver se não me enganei, ora exactamente Professora Graça de matemática suspeito que haja poucas na escola.
 Ao ver a inutilidade da funcionária (pois esta deveria estar informada de quem ocupa as salas naquele pavilhão) resolvi sair e ir aos outros pavilhões, fui ao pavilhão B no qual me disseram que a professora Graça de matemática estava a dar teste na sala B-19, descansado da vida lá fui eu a subir as escadas mas deparei-me com um dragão que me obrigou aqui a fazer um desvio e logo apanhei o elevador de serviço, enquanto no elevador ouvi uma música bem engraçada que não interessa aqui, ao sair do elevador dois ninjas roubaram-me uma resma de cabelo mas eu não me importei (afinal de contas tenho muito para já), ao chegar à porta mais uma vez faço "Truz Truz" e deparo-me com uma turma totalmente diferente, no meio da vergonha só me lembrei de dizer "Desculpe foi engano" como se de um telefonema errado se tratasse, também me lembrei agora de mais uma vez realçar aqui a inutilidade das funcionárias em "questões de secretaria" e lembrei-me que parti para outro pavilhão.
 Ao sair do pavilhão onde me encontrava que neste caso era o último onde podia procurar encontrei uma amiga que me fez o enorme favor de mandar uma mensagem de texto pelo telemóvel para uma colega minha, a qual disse a sala ao mesmo tempo passa um funcionário que me diz inutilmente que já sabiam onde era a sala, agora só me bastava chegar ao outro lado da escola, e para isso tive que jogar uma partida de xadrez com o mestre russo Boris Ivan demorou cerca de um segundo pois eu não sei jogar xadrez, dei um sprint final contra mais 5 atletas e ganhei, subi as escadas bati na porta da sala correcta e fui fazer o meu teste, o engraçado é que eu tive ainda assim bastante tempo para fazer o teste, mas digo-vos aquilo era um daqueles testes em que sai tudo o que nós não sabemos e por isso terminei antes do tempo, mas fiquei até ao limite permitido para ver se me caíam respostas do céu...
 Ainda não me acredito que me tenham dito mal a sala estou de rastos (de tanto rir)...


Isto foi o inicio da corrida da qual o sprint final foi feito por mim e por mais 5 atletas.



ps: lá porque estas funcionárias não fizeram bem o seu trabalho não quer dizer que tal facto seja uma regra há dias e dias e até agradeço porque me deram um bom tema para o post...

"Não percam o próximo post, porque nós também não!" xD

"Peace out suckers"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Cartoon

por Nhex, Terça-feira, 06.05.08
Hoje presenteio aqui um cartoon e se gostarem lembrem-se fui eu que fiz se não gostarem lembrem-se não fui eu...






"Não percam o próximo post, porque nós também não" xD

"Peace out suckers"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Peace out suckers!

por Nhex, Segunda-feira, 05.05.08
 E é sem demora que hoje vos presenteio com o significado da citação "Peace out suckers", tudo começou numa Primavera qualquer, num ano qualquer, num dia qualquer, a uma hora qualquer, quando o homem pré-histórico descobriu o fogo, e não digo Verão porque naquela altura ainda não tinha sido descoberto o Verão senão obviamente teria sido no Verão esta descoberta, pois é a estação mais quente (pelo menos no resto do mundo), continuando, após o homem ter descoberto o fogo aprendeu também a arte de cozinhar, com isto nasceram os utensílios chamados aventais, até agora nada de especial, isto são tudo factos provados, mas eis que chega a reviravolta, certo dia um destes homens pré-históricos chegou a casa e viu que o filho estava a cozinhar com o avental da mãe, quando deveria estar a aprender a matar bichos adoráveis fofos e peludos com pedras, ao assistir a tal acção o pai pega no filho e ensina-o na arte de usar palha e argila para construir uma casa, além disso ensina o filho a caçar mamutes com uma fisga, certo dia esta tribo entrou em guerra com outra tribo, o filho que estava já bem treinado no manejo de armas, a fisga era a sua especialidade, certo dia no meio duma batalha alguém gritou bem alto "PiiiiiiiiizchEEEEEEE!" foi contado numa pintura rupestre que esse gajo levou com uma machadada na cabeça e ninguém ligou ao que ele disse, mas foi nesse momento que a palavra "Peace" nasceu, mais tarde alguém percebeu o significado e a guerra acabou e ficaram felizes para sempre.
 Séculos mais tarde numa ruela do reino de York, existia uma taberna que servia a antiga bebida chamada água, também era servida soja, leite, vinho, cerveja e azeitonas, nesta taberna havia também um filho que cozinhava, mas este cozinhava com a aprovação do pai, a mãe tinha fugido para a terra prometida e não havia mais ninguém para o lugar, portanto o pai mandava, os criados serviam e o filho cozinhava, os pratos eram, azeitona cosida, azeitona grelhada, sopa de azeitona e a sobremesa da casa mousse de azeitona, mais tarde foi incluído o prato de azeitona à Zé do Pipo, mas chega de conversa sobre carros, certo dia um grupo de soldados do senhor das terras veio tomar um copo à taberna e repararam numa bela rapariga que servia às mesas, quando ela se dirigiu a eles nos seus patins como é habitual nas tabernas os empregados andarem de patins, mal a rapariga lhes dirigiu a palavra os "cavaleiros" agarram nos seus braços e ali fizeram uma proposta indecente, mas que ela não poderia recusar pois eles eram pupilos do senhor da terra, não temendo os soldados o rapaz cozinheiro empunhou a espada do seu pai e dirigiu-se aos senhores desafiando-os para um duelo e dizendo "If I win this duel you shall get out of my taberna" e foi isso que aconteceu o rapaz venceu o duelo contra cinco soldados bem treinados, e foi assim que nasceu a expressão "out", quanto ao rapaz foi feito prisioneiro mas libertou-se alegando ser o rei da Escócia.
 Em pleno século recente, a cerca do dia que calhou algures entre os 365 que o ano tem, um gang criminoso composto por 5  "piratas ilegais", assaltou um banco nas Berlengas, ao que parece também no gang estavam pai e filho e aparentavam ser estrangeiros, o filho assaltava e o pai roubava (não sei se isto tem muito sentido mas algum há-de ter), roubaram cerca de mil selos postais e 4 euros em notas de 3, a polícia tentou impedir o roubo mas esqueceram-se que os jeeps não andam em água e por isso não chegaram a tempo às ilhas. Os Ladrões fugiram mar a dentro e até hoje pensa-se que afundaram mas não se sabe aonde, mas o que fica desta história foi o facto de os ladrões estrangeiros terem dito para os trabalhadores do banco "Vós soindes uns suckers" e com isto fugiram do local e foi aqui que a palavra "suckers" apareceu.
 Mais tarde numa discussão em que há de facto um murro que sai ao lado, alguém começa a correr e diz "Peace out suckers!", e foi aqui que nasceu a expressão, até podem ir ver na Wikipédia  olhem que é verdade, e sim eu disse muitas vezes "mais tarde"...








É tudo por hoje "não percam o próximo post, porque nós também não" xD

"Peace out suckers"
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Nova Barragem

por Nhex, Domingo, 04.05.08
O governo aprovou hoje a construção de uma nova barragem na ribeira de Góios, após décadas de discussão chegou finalmente o veredicto final que favorece os castores espinhosos (espinosium castorae) face ao apelo jurídico feito pelas população de plantas, sapos, bicharada no geral (geralium bicharius), o veredicto final foi contestado pois há suspeitas de conflitos de interesse entre o estado e a empresa de castores "Barrages", afirma-se que a barragem será construída apenas para fundo lucrativo energético governamental (se não perceberam tudo bem eu também não).
 Melhares de famílias de bicharada irão ficar sem as suas casas, e sem os seus postos de trabalho, para dar lugar à dita barragem que será baptizada como, "Barragem do Ribeiro", a barragem essa terá quilómetros de altura não se sabendo ao certo a sua evergadura, as obras começaram hoje mesmo e estarão acabadas por volta da altura em que for dada por completa a obra.
 A bicharada não se conforma e promete novas formas de luta, não retirando a hipótese de luta armada e eu também estou com sono e por isso secalhar deveria ir ali ao jardim gritar "Kasmatrirpomirke" para ver se arrebito...

 
As obras na Barragem faladas no Discovery Channel

" class="ljvideo">

O narrador está a falar em chinês com um sotaque que faz lembrar a língua inglesa aquilo é mandarim (ou uma língua que vocês não percebam)



Desta feita é tudo "não percam o, próximo post porque nós também não" xD

"Pea... (esqueçam ainda tenho que vos explicar o significado de "Peace out suckers")

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pinguins mamíferos

por Nhex, Sábado, 03.05.08
 O nosso departamento sobre vida animal (eu), completou o seu relatório sobre a recente descoberta nas Berlengas da espécie do pinguim-mamífero (mamíferus pingu), esta espécie é uma nova espécie de ave, enquadra-se no grupo de ave rara, as suas maiores características são, os olhos de pinguim, penas de pinguim, asas de pinguim, patas de pinguim, cabeça de pinguim, pescoço de pinguim, cor-de-pinguim e a cauda de tartaruga.
 Esta espécie além de ser o único tipo de ave mamífero é também o único tipo de mamífero a por ovos, se ainda está confuso eu explico... foi em 309 que o imperador romano Castrus Augustus, aboliu o jogo do xadrez, de certo modo isto veio afectar a economia mundial e Wall Street acabou por cair a pique e criar uma crise nas Berlengas, esta crise veio afectar a produção de caranguejo que por sua vez provocou o desemprego de melhares de pessoas e eventualmente levaria a uma quebra nos preços do combustível  o que levou ao fim do petróleo como principal combustível passando-se a usar a chamada energia eólica para fazer andar os barcos em terra e assim... este tipo de ave é um mamífero porque põe ovos mas ao mesmo tempo produz leite para alimentar as crias, habitam em conjunto com os conhecidos moluscos albinos (albinium moluscuns) e inclusive alimentam-se dos mesmos quando atingem a idade adulta, ainda bem que referi a idade adulta, ao atingirem a idade adulta são obrigados a ir trabalhar, aqueles que não forem ou são muito ricos ou então querem levar a vida de maneira menos honesta, a fazer pão ou a conduzir um táxi por exemplo.
  Ultimamente esta espécie tem estado em destaque devido aos seus contributos na Física, Química, Matemática, Moral e Cenas, estes pinguins têm também a capacidade da nadar, dormir, comer, pensar, correr, pestanejar, abrir o bico, cantar, bater as asas e também sabem cozinhar....


Um momento raro destas aves






Não se esqueçam de acertar os relógios e "não percam o próximo post, porque nós também não"  xD





 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sentar com a cabeça

por Nhex, Sexta-feira, 02.05.08
 Hoje venho falar da arte do sentar com a cabeça, esta antiga técnica marcial da Manchúria apareceu durante a "Crise do Kung fu de 1895" quando os praticantes de "Kunguito" como é conhecido na zona começaram a achar a modalidade muito violenta e "aleijativa" e também porque as pessoas se queixavam das cadeiras porque deixavam o cu quadrado, de modos que as pessoas tiveram que descobrir uma nova arte, e foi assim que nasceu o "Sentar com a cabeça".
 O grandioso criador desta arte marcial foi respectivamente o mestre  Shi-Kun-Kaneko, a ideia surgiu quando ele levou uma patada tal na cara, oriunda do pé do seu colega Kantu no campo de treino de "Kunguito" , o mestre levantou-se e disse "Não jogo mais!", e não jogou mesmo, voltou para casa e passou uma noite em claro a pensar no que fazer da vida, até que descobriu o "Sentar" e lhe juntou a "Cabeça", ao constatar que esta técnica era bem mais forte e bem mais confortável nas cadeiras do que o "Kunguito" logo no dia seguinte o mestre montou um estaminé de ensino da modalidade, hoje em dia a modalidade é tão conhecida que até já conseguiu abrir 3 estaminés de ensino nas Berlengas.
 E só mais uma coisita, hoje foi o dia do trabalhador, como tal toda a gente foi trabalhar melhor neste dia, o nível de produtividade passou do 0 pela primeira vez desde à 30 anos, afinal mais outra, hoje teve-se que por umas plantas nas portas, o orégão chegou a ser utilizado por algumas pessoas...

Poucos conseguem sentar a cabeça...
 
" class="ljvideo">  









"Não percam o próximo post porque nós também não!" xD

"Peace out suckers"

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pág. 3/4