Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



A Inquisição nas Berlengas.

por Nhex, Segunda-feira, 30.06.08

Conta a história que nas ilhas mais conhecidas da região este do país, se encontrava a sede da Inquisição portuguesa. Apesar das poucas provas, alguém de muita importância para as ilhas e para o país afirma a veracidade da história. È nada mais nada menos que o Conde Pantalufa III, que afirma que essa é uma história verídica e que o mito dos peixes terrestres é mentira. Antes de mais, vamos falar do conde, este homem é o herdeiro do trono das Berlengas caso estas se tornem um país com bases monárquicas. Nasceu algures no tempo indeterminado ou então no tempo em que estiver a ler isto que será aproximadamente algum.

 Mas vamos falar então da história da Inquisição, as provas que foram postas no Tribunal Internacional Multicultural Ou Recreativo, também conhecido por TIMOR. As ditas provas são respectivamente um crucifixo encontrado numa das praias da ilha-mãe as palavras de Panalufa e a crença de quem defende a teoria. As pessoas que defendem a teoria são descendentes de pessoas que praticavam bruxaria na Idade Média.

 Os resultados saem na próxima sexta feira e veremos os resultados. Mas antes vamos ver uma foto do local onde supostamente estaria a tal sede...

 

 

 

 

Aquele pinheiro é dito como o local onde antes havia uma mesa de jantar.

 

 

 

"Não percam o próximo post, porque nós também não!" xD

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Nhex às 00:28

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.