Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



"O Pinheiro de Akita" EP3

por Nhex, Segunda-feira, 14.07.08

 A Batalha da LInha Salgada foi como ficou conhecida a batalha na qual berlengueiros e animais fizeram face aos portugueses. Esta aliança invulgar deu frutos, acabando por derrotar o exército e a marinha portuguesa. Eram tempos de guerra, e eram tempos duros, mas era com isso que o povo berlengeiro vivia e por isso não era razão suficiente para que não houvessem momentos de festa. A condecoração de heróis não era excepção. Em momentos como este todas as cidades dentro das suas muralhas eram invadidas por alegria. Os heróis eram eles os soldados do pequeno exército do reino das Berlengas que enfrentou os portugueses. Entre eles estavam Jorge Almeda o nosso personagem, António o veterano soldado e o sargento Garcia. Iam-se encontrar com o rei Leandro III conhecido como "O Lunático". Conta a história que o rei escreveu o primeiro livro de culinária, e també inventou o primeiro kit de culinária para amadores, mas isso é outra história.

 O rei ia condecorar os heróis, Jorge e António decidiram-se em apresentar ao rei a sua ideia de que longe no oceano existia numa terra um pinheiro que pagava as dívidas das pessoas. Para tal só tinham que acertar na dose certa de cerveja e vinho para que o rei lhes desse o apoio. Metade do trabalho estava então feito, pois o rei era também conhecido por beber apenas cerveja. Começou a cerimónia...(parte aborrecida em que são oferecidas medalhas e bolos de arroz)... Acaba a cerimónia, todos se dirigem para o banquete. O rei já depois de uma boa dose de cerveja ergue a sua caneca e começa o seu discurso, deste discurso convém apenas referir o seu momento alto que foi: "Dou por terminado este discurso!".

 Dirigem-se todos para uma sala gigante, uma espécie de biblioteca, o rei está presente e os dois soldados iludem os guardas e aproximam-se do rei - Sua Majestade? - diz António - Diga soldado! - responde o rei - Vendo que o rei não era nenhum tirano António e Jorge sentem-se mais à vontade e é aí que disparam - Temos uma proposta para si! - quase que em coro. - Eu gosto de propostas, algo de arriscado suspeito! - Algo que nunca ninguém tentou - Têm a minha atenção. Os dois explicam-se ao rei, que faz mandar recuar a sua guarda que se aproximava por traz dos dois soldados.

 -  Basta! - diz o rei em tom sério. António leva as mãos à cabeça como quem pensa o pior.

 - Daqui a três dias terão um barco com um capitão e uma tripulação ao vosso comando, reunam 20 homens ou 20 mulheres ou 10 de cada lado como quiserem. Esses serão os vossos companheiros na viagem.

 Os dois olham um para o outro e nem se acreditam, estavam prestes a entrar na aventura das suas vidas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Contínua...

 

"Não percam o próximo episódio, porque nós também não!" xD

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Nhex às 01:48

2 comentários

De Xin a 14.07.2008 às 12:16

hm.. é estranho esse rei..

Com todo o respeito: cá pa mim, ele já tinha bebido umas cervejas, não? Eu não quero difamar a realeza, mas nunca se sabe..

xDD

*

De Nhex a 14.07.2008 às 21:05

hmm será que bebeu? xDD*

Comentar post