Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Super Cheio vs Le Tremoço

por Nhex, Sábado, 22.03.14

 Esta é a história da rivalidade entre dois seres superiores. Poderia até ser uma história sobre outra coisa qualquer, mas não é. Um duelo quase imortal que abalou as próprias fundações do planeta Terra, ou se calhar não, mas tem mais piada assim.

 Tudo começou numa bela noite de Inverno, à hora de jantar. Albino Castanheira sentou-se à mesa com a sua família (Constituída por: uma boneca de porcelana e um papagaio de papel). O jantar, era a famosa "massa com tudo", que o nosso personagem aprendeu nos seus tempos de estudante universitário. Visto que nenhum dos outros membros aparentava estar com muita fome. Albino decide comer toda uma panela de massa. E esta não era uma massa qualquer. Era um sortido das mais requintadas iguarias italianas. Mais concretamente, uma embalagem de espirais e um fio de esparguete que andava lá perdido no armário. Ao terminar, exclama: "Estou super cheio!". Nesse momento apercebe-se que a sua vida ganhou todo um novo significado. O nosso herói era agora isso mesmo, um herói. Porque toda a gente sabe que se estamos "super" qualquer coisa, então somos especiais.

 As possibilidades eram infinitas, combater o crime, curar doenças, salvar gafanhotos atropelados na berma da estrada. Até mesmo, lavar a loiça. Mas como todos os super heróis, havia um ponto fraco. Levantar-se da mesa seria um verdadeiro desafio. Então, Super Cheio começou por combater o cibercrime e a curar doenças com "gostos" no Facebook. Os gafanhotos ficariam para já à mercê da mãe natureza e dos Fiat Uno que não respeitam os animaizinhos. 

 Enquanto castigava severamente um burlão via e-mail, ouve um barulho vindo do frigorifico. A porta abre-se e Super Cheio, com horror,  fica pálido, como se alguém lhe tivesse despejado um frasco de Maisena em cima. À sua frente estava, nada mais nada menos, do que "Le Tremoço". 

 "Le Tremoço" tinha um único objectivo. Esperar que Albino se transformasse em Super Cheio. Isto para que em momento oportuno pudesse alimentar fatalmente o nosso herói. Sim, porque não nos podemos esquecer, que alguém super cheio está a um tremoço de uma indigestão. O tremoço foi outrora um simples petisco de conserva. Ficando esquecido na solidão do seu frasco durante 3 anos, num frigorifico, em que nem sequer a luz funcionava com o abrir da porta. O liquido de conserva era já radioactivo e a escuridão imensa. Esta era uma criatura das trevas. Um dos seus poderes era a capacidade de saltar longas distâncias. Super Cheio foi rápido a reagir ao usar o seu computador portátil como escudo. Mas ainda faltava pelo menos uma hora para haver espaço na sua barriga. A única forma de derrotar o tremoço era comendo-o. A única forma de derrotar o Super Cheio era alimentando-o num estado de plena fartura. E durante quarenta e cinco minutos o combate durou. O tremoço saltava e logo era arremessado para o outro lado da sala. E ao minuto quarenta e seis, o tremoço salta uma última vez para ser arremessado janela fora. De repente, Albino sente o seu poder a desvanecer e consegue levantar-se para fechar a janela. O tremoço estava derrotado, por agora...

 

 

Tremosae Tuberculosis a doença que originou "Le Tremoço"

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Nhex às 03:22